Projeto

Sem título-2
Centrado no vale do rio Varosa, subsidiário ao vale do rio Douro, o projeto Vale do Varosa assenta na criação de uma rede de monumentos abertos de forma integrada à fruição pública, tendo como núcleo principal, numa primeira fase, os mosteiros cistercienses de São João de Tarouca e de Santa Maria de Salzedas e o Convento franciscano de Santo António de Ferreirim.

Desenvolvido sob a égide da Direção Regional de Cultura do Norte desde 2009, o objetivo é instalar na região, nas áreas inicialmente pertencentes aos concelhos de Tarouca e Lamego, uma rede de estruturas e soluções segundo o conceito de «Território Histórico», numa estratégia integrada a nível regional, beneficiando de uma elevada concentração de imóveis e elementos históricos de elevado interesse turístico-cultural, permitindo o desenvolvimento de conjunto em articulação com o Douro Património da Humanidade.

Este conjunto de imóveis, constituindo há muito e de forma espontânea o que se pode designar de rede informal de monumentos da região do Varosa e aos quais se associa diretamente em termos regionais o conjunto monumental da cidade de Lamego e seu Museu, constitui um dos mais recorrentes percursos de visita da Região Duriense interior.

Neste sentido, as principais linhas estratégicas do projeto Vale do Varosa são a recuperação de edificado, a musealização do património móvel e imóvel, a instalação de centros de acolhimento e interpretação, a criação de uma imagem personalizada, a abertura ao público com funcionamento em rede e o desenvolvimento de ações de divulgação conjunta.

Esta formalização e atuação em rede pretende afirmar a região como destino cultural de referência, ao fazer emergir no contexto duriense um conjunto de monumentos classificados que, no caso dos mosteiros cistercienses, foram mesmo uma peça fundamental na excelência reconhecida à região desde 2001 como Património da Humanidade.

O Projeto Vale do Varosa é por isso um projeto que deixa de olhar para o monumento, para passar a olhar para a região, como um território histórico, detentor de um património único, que é necessário afirmar e divulgar no contexto do Douro Património da Humanidade.

Já em abril de 2014 outros monumentos se juntaram ao Vale do Varosa. A Torre Fortificada de Ucanha e a Capela de São Pedro de Balsemão passaram então a integrar um projeto que desde o seu início teve como objetivo o alargamento da rede, potencializando a valorização do conjunto.

 

PROJETO

Entidade Responsável

Ministério da Cultura | Direção Regional de Cultura do Norte

 

Direção

António Ponte (DRCN)

 

Coordenação

Luís Sebastian (DRCN – ML)

 

EQUIPA TÉCNICA

Arquitetura

Gabriel Andrade (DRCN – DSBC)

João Carlos dos Santos

Rui Vilaça Couto

 

Engenharia Civil

Agostinho Lemos Costa (DRCN – DSBC)

 

Segurança

José Rocha (DRCN – DSBC)

Agostinho Lemos Costa (DRCN – DSBC)

Teresa Monteiro (DRCN – DSBC)

       

Coordenação e fiscalização de obra

Agostinho Lemos Costa (DRCN – DSBC)

Gabriel Andrade (DRCN – DSBC)

Luís Sebastian (DRCN – ML)

 

Gestão de Recursos Humanos e Financeiros

Paula Duarte (DRCN – ML)

 

Comunicação

Patrícia Brás (DRCN – ML)

 

EXECUÇÃO

Construção Civil

Lopes & Pinho, Sociedade de Construções, Lda.

Realizona, Sociedade de Reabilitação Urbana, Lda.

Lusocol, Sociedade Lusa de Construções, Lda.

RC3 – Restauros e construção, Lda.

Augusto Oliveira Ferreira, Lda.

 

Eletricidade, Telecomunicações e Segurança

Prodelnor, Lda.

Lightenjin, Sistemas de iluminação, Lda.

Síncrono – Soluções Integradas de Engenharia, Lda.

 

Arqueologia

Histórias com Sentido, Unipessoal

 

Conservação e Restauro – Pintura de Cavalete

Porto Restauro, Lda.

 

Conservação e Restauro – Pintura Mural

Mural da História, Lda.

                   

Conservação e Restauro – Mobiliário e Escultura

Monteiro Vouga, Lda.

Rosa Monteiro Vouga (DRCN)

 

Conservação e Restauro – Azulejo

Sónia Isidro (DRCN)

 

Conservação e Restauro – Cerâmica

Mariana Pestana

Maria Júlia Sobral da Fonseca

Sónia Isidro (DRCN)

 

Design

Foge Major, Unipessoal

DesignPúblico, Unipessoal

Companhia das Cores, Design e Comunicação Empresarial

Imagine, Publicidade, Lda.

       

Museografia

DesignPúblico, Soluções globais, Lda.

       

Montagem Museográfica

Lotus Line, Lda.

Realizona, Sociedade de Reabilitação Urbana, Lda.

 

Investigação

Luís Sebastian (DRCN – ML)

Ana Sampaio e Castro

Alexandra Isabel Falcão (DRCN – ML)

Nuno Resende

 

Fotografia

José Pessoa (DRCN – ML)

Pedro Martins

 

Inventário

José Pessoa (DRCN – ML)

Georgina Pinto Pessoa (DRCN – ML)

 

Reportagem Vídeo

Arte Fotográfica, Lda.

 

Tratamento Audiovisual

Digitalframe, produções audiovisuais, Lda.

 

Reconstituição 3D

Paulo Bernardes (Unidade de Arqueologia da Universidade do Minho)

 

Polynomial Texture Mapping

João Barbosa (Universidade do Minho)

 

PARCEIROS

Museu de Lamego

Município de Tarouca

Município de Lamego

Junta de Freguesia de São João de Tarouca

Junta de Freguesia de Salzedas

Junta de Freguesia de Ferreirim

Diocese de Lamego

Paróquia de São João de Tarouca

Paróquia de Salzedas

Paróquia de Ferreirim

Escola Superior de Tecnologia e Gestão de Lamego (IPV)

Escola de Hotelaria e Turismo do Douro – Lamego

Quinta de Mosteirô

InovTerra, Associação para o Desenvolvimento Local

Liga dos Amigos do Museu de Lamego

Centro de Tropas de Operações Especiais (Lamego)